Betty Williams
(1943 - )
  Pacifista irlandesa nascido em Belfast, Northern Ireland, Prêmio Nobel da Paz (1976) como uma das fundadoras do Movimento das Mulheres para a Paz na Irlanda do Norte, mais tarde chamado de Community for Peace People, organização para incentivar a resolução pacífica dos conflitos que afligem a Irlanda do Norte, prêmio dividido com Mairead Corrigan (1944 - ). Educada no St. Teresa's Primary School, Belfast e no St. Dominic's Grammar school, começou a trabalhar como recepcionista. Casou-se em Burmudas (1961) com Ralph Williams de quem se divorciou, casou-se (1982) com James Perkins e mudou-se para a Florida, U.S.A. Passou a apresentar extensivamente palestras nos United States e ganhou da International Platform Association o Eleanor Roosevelt Award e a nomeou a oradora do ano (1984). Como Visiting Professor em Ciência Política e História, ensinou na Sam Houston State University, em Huntsville, Texas, onde trabalhou na integração de grupos étnicos e culturais no  campus e na comunidade local. Permanecendo em Huntsville, ela dirigiu a Global Children’s Foundation e participou de esforços de paz internacionais. Depois do Nobel, viajou para a Tailândia (1993) com seis outros laureados com o Nobel da Paz, para entrar em Myanmar, na Birmânia, e protestar contra a detenção da pacifista e também Nobel da Paz (1991) Aung San Suu Kyi. Mãe de dois filhos, Paul e Deborah, além do Nobel tem recebido vários prêmios de reconhecimento como a Carl Von Ossietsky Medal, Hon. Doctor of Law da Yale University, U.S.A. e o Norwegian People Peace Prize (1976).

Figura copiada do site da FUNDAÇÃO NOBEL:
http://nobelprize.org/