Cato Maximilian Guldberg
(1836 - 1902)
Químico e matemático norueguês nascido na antiga Cristiania, hoje Oslo, que com o cunhado dele, Peter Waage (1833-1900), formulou a lei química de ação de massa (1864) sobre a velocidade de reação e as concentrações relativas do reagentes, a qual previa a direção que tomaria uma reação química reversível, em termos da concentração dos reagentes envolvidos. Estudou na Universidade de Cristiania, ensinou na escola militar real e depois se tornou o professor de matemática aplicada na Universidade de Cristiania. Por mais de cinqüenta anos, a hipótese de Berthollet sobre a influência da massa no sentido das reações não conseguiu ser aceita, embora um químico após o outro se preocupasse com o assunto. Finalmente os dois químicos noruegueses estudaram o caso a fundo (1863-1864) e acabaram por anunciar aquilo que hoje conhecemos com o nome de lei da ação das massas Por publicarem o trabalho em norueguês, ocasionou um atraso de quinze anos, até que os grandes químicos alemães e franceses tomassem conhecimento dele. Também provou outra relação quantitativa importante (1870), mostrando que a depressão do ponto de fusão é inversamente proporcional ao calor latente de fusão. Morreu em sua cidade natal aos 66 anos.