Boris Alexandrovich Bakhmeteff
 (1880 - 1951)
Engenheiro civil, diplomata e cientista russo de Tiflis, um dos fundadores da mecânica dos fluidos nos Estados Unidos. Formado na Escola de Engenharia Civil e Transportes de São Petersburgo e e no Politécnico de Zurique, seguiu como professor de engenharia civil e engenheiro em São Petersburgo, onde publicou (1912), em russo, um livro sobre dimensionamento hidráulico de canais abertos, no qual apresentava diversos diagramas originais. Serviu (1915-1916) na II Guerra Mundial como Chief Plenipotentiary of the Central War Industrial Committee para os U.S.A. Após a Revolução, foi nomeado ministro da indústria e comércio do governo provisório e depois embaixador russo nos EEUU sob o regime de Kerensky. Abandonou o serviço diplomático russo (1922) para estabelecer-se na Lion's Match Factory. Morando em New York, passou a publicar livros didáticos em inglês sobre mecânica dos fluidos e hidráulica (1932), tais como a série The Mechanics of Turbulent Flow (1941-1959). Publicou também vários papers sobre pesquisas em laboratório, ganhando fama na América e tornando-se consultor de laboratórios e sobre pesquisas. Juntamente com Freeman, Durand e Kármán o quarteto fundador e desenvolvedor da mecânica dos fluidos nos Estados Unidos, embora tenham trabalhado independentemente. Tornou-se cidadão estadunidense (1934), foi eleito chairman da Engineering Foundation (1945), a frente da qual fez grande administração. Ajudou a criar o Archive of Russian History and Culture na Columbia University e morreu em New York.